0000009677 dominio publico

periódicos

siape

OBI 2018

Estudantes participam da 1ª fase da Olimpíada Brasileira de Informática (OBI) 2018

7

No dia 17 de maio, os alunos do curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino médio do Campus Avançado Carmo de Minas participaram da 1ª fase da 20ª Olimpíada Brasileira de Informática (OBI), na modalidade de Programação Nível 1 e Nível 2. A equipe foi composta pelos estudantes: André Reis, Gustavo Vieira, Juan Belieni, Lucas Lage, Marcos Vinícius, Pedro Silva e Vítor Ramos, já o delegado local da OBI é o professor do curso, Max Moreira.

A OBI é uma competição organizada nos moldes das outras olimpíadas científicas brasileiras, como Matemática, Física e Astronomia. O objetivo é despertar nos alunos o interesse por uma ciência importante na formação básica hoje em dia (no caso, ciência da computação), por meio de uma atividade que envolve desafio, engenhosidade e uma saudável dose de competição. A organização da OBI está cargo do Instituto de Computação da UNICAMP. É realizada em três fases: local, estadual e nacional. No caso do campus, a implementação das respostas foi feita no laboratório de informática.

Para o professor Max Moreira, "além de proporcionar um estímulo para a escolha profissional do estudante, os desafios são divertidos e induzem o raciocínio lógico voltado para uma modelagem computacional consistente. A habilidade adquirida pelos participantes irá perdurar por toda a carreira profissional e/ou acadêmica."

Sobre a Olimpíada

A Olimpíada Brasileira de Informática é uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Computação e tem por objetivos:

- Estimular o interesse pela computação e por ciências em geral; 

- Promover a introdução de disciplinas de raciocínio computacional e técnicas de programação de computadores nas escolas de ensino médio e fundamental;

- Proporcionar novos desafios aos estudantes;

- Identificar talentos e vocações em Ciência da Computação de forma a melhor instruí-los e incentivá-los a seguir carreiras nas áreas de ciência e tecnologia.

As provas da fase local e da fase estadual são realizadas na escola onde o aluno realizou a inscrição. Já as provas da fase nacional serão realizadas em sedes designadas pela organização da OBI, preferencialmente universidades localizadas nas capitais dos estados ou em cidades com grande concentração de competidores classificados. Em cada fase, os melhores classificados serão convocados a participar da fase seguinte. Esta classificação respeita o limite de 30% dos melhores classificados da escola na fase local, na respectiva modalidade e nível e, para o nível nacional, serão convocados os 30% melhores classificados na fase estadual, respeitando também o limite de 30% dos participantes efetivos do estado na fase estadual, na respectiva modalidade e nível.

Texto: Adaptado de Ascom/Reitoria IFSULDEMINAS, com informações do professor Max Moreira
17/05/2018